A diferença entre inglês britânico e inglês americano

O que os Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, Austrália, África do Sul, Nova Zelândia, Zimbábue e Irlanda têm em comum? Simples, todos estes países falam inglês. Quem avalia de fora pode acabar por imaginar que todos falam e escrevem inglês da mesma forma, certo? Errado! Existe uma diferença entre o inglês britânico (praticado na maioria dos países de língua inglesa) e o inglês americano. Vejamos alguns pontos a respeito disso.

O inglês americano, embora bastante difundido devido aos filmes de Hollywood, videogames feitos por empresas americanas e artistas musicais norte-americanos, não é o inglês majoritariamente utilizado. Basicamente somente os Estados Unidos e o Canadá utilizam o inglês americano, já países como Áustrália, África do Sul, Nova Zelândia, Escócia, Irlanda, e, obviamente, Inglaterra, utilizam o inglês britânico. Dentre as diferenças no sotaque das pessoas nativas destes países, ainda existem diferenças, não muito sutis, na escrita de algumas palavras. Vamos utilizar alguns exemplos para ilustrar este argumento:

Palavra: Centro
Inglês Americano: Center
Inglês Britânico: Centre

Palavra: Cores
Inglês Americano: Colors
Inglês Britânico: Colours

Palavra: Realizar
Inglês Americano: Realize
Inglês Britânico: Realise

Além destas sutis diferenças, algumas palavras também são utilizadas em detrimento a outras. Por exemplo, a palavra ‘rubbish’, que é muito pouca utilizada no inglês americano (onde preferem o termo ‘garbage’), é bastante utilizada em países que utilizam o inglês britânico.

Resumidamente podemos afirmar que as pessoas que aprendem o inglês britânico possuem uma maior facilidade para se adaptar aos países que falam inglês. Haja vista que muito países utilizam este tipo de inglês como língua pátria. Ao aprender o inglês americano você conseguirá compreender o inglês britânico, porém existe a tendência que você encontre uma certa dificuldade de adaptação, dependendo do lugar que você for.

Estes são apenas alguns pequenos exemplos da diferença entre o inglês americano e o inglês britânico. Caso você ainda tenha algumas dúvidas, consulte um professor de inglês para esclarecê-las. Ele é o melhor profissional para poder lhe aconselhar a respeito disso. E não se esqueça de dar prioridade a um professor nativo.

You may also like

Leave a comment